Terça-feira, 20 de Fevereiro de 2007

Vejam-me só esta situação:

Quando temos a infelicidade de ficarmos desempregados, os nossos governantes incentivam-nos a criarmos o nosso próprio emprego através de alguns programas de Instituto Nacional do Emprego e outros. Dizem que há fundos da União Europeia para nos iniciarmos, basta apresentar um projecto.
 
Tudo isto não passa de tretas, e digo-vos porquê:
- se formos recém-licenciados ou se trabalhamos à poucos anos, com certeza que não temos o capital necessário para avançar com o dito projecto e criarmos uma empresa;
- se não tivermos dinheiro é muito difícil criarmos seja lá o que for;
- se formos pedir um crédito à Banca, dificilmente nos será concedido a não ser que tenhamos conhecidos no Banco e tenhamos um muito bom avalista (estes encontram-se por ai aos pontapés);
- para apresentarmos o dito projecto, temos de ter já empresa constituída, licenças, alvarás e tudo pronto a funcionar. Isto quer dizer que já ganhamos o euro milhões e que ultrapassamos as dificuldades financeiras, tendo sido possível pagar todos os custos de Finanças, Registo Comercial, Conservatória, etc., etc., etc.;
- só depois destes requisitos é que poderemos entregar o projecto para análise e que ao fim de três supostos meses nós darão uma resposta: Sim ou Não;
- se a resposta for não, não há fundos. Acabamos de criar a empresa e os fundos seriam essenciais para nos iniciarmos. O que acontece? Ou nos desenrascamos contando com a ajuda do euro milhões ou então desistimos;
- e durante a criação da empresa e da constituição do projecto, se quisermos obter alguma informação junto das entidades supostamente competentes, pois, como é claro, existem muitíssimas dúvidas, para obtermos qualquer informação o que acontece é que ou ninguém sabe de nada ou então temos que pagar!
 
Agora pergunto eu: tanta preocupação com OTAS e TGV’s, mas nenhuma preocupação com os problemas que assolam o nosso país, como a crise do desemprego!
Por isso pergunto, que País é este?
 
Fil
sinto-me: ...
publicado por netoscity às 16:39
link do post | Comenta... | Adiciona aos teus favoritos
|

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30


.arquivos

. Abril 2011

. Julho 2010

. Maio 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.posts recentes

. Via Sacra

. Festa à Divina Misericórd...

. Cartaz da Festa em honra ...

. Festas em Honra de Santa ...

. Tradição - Partida de 1 d...

. A Lagoa das Queridas

. Festas de S.Tomé

. Inauguração da Capela dos...

. It's time to say goodbye ...

. Preocupações ambientais

. O Santo da Internet

. 4 de Novembro de 2008

. O site da Carne

. O dia depois do Magalhães

. A proposito da crise fina...

. Mais uma...

. Erotismo para alertar men...

. Figueira da Foz na Catalu...

. S.Tomé 2008

. Nova Ponte dos Arcos

. Aumento repentino do pode...

. Falta um ano para irmos a...

. Bloqueio chegou ao fim...

. O Euro 2008

. Expo Artesanato

. O sinal de localidade!?

. Utentes

. Pôr do Sol na Figueira da...

. O Maestro arrumou as bota...

. Já lá vão três

.links

.Movimentos

 

 

Movimento QTBGPO

 

Personal Blogs - Blog Catalog Blog Directory Estou no Blog.com.pt BlogBlogs Add to Technorati Favorites

.subscrever feeds