Sexta-feira, 8 de Dezembro de 2006

És submisso? Estás a ser domesticados?

                          

 

Vocês já pensaram na informação que vêem e recebem todos os dias (tv, rádio, jornais, revistas, etc.)? Já pensaram porque é que só vemos novelas na tv ou programas com famosos e pseudo famosos!? E a quantidade de revistas cor-de-rosa que circulam nas bancas!? E os jornais que só falam de impostos, de manifestações porque surgem novas leis, dos piropos que os dirigentes do mundo do futebol enviam uns aos outros! E tantas outras coisas negativas.

Afinal onde é que são divulgas as coisas boas que acontecem por ai? Será que acontecem mais coisas más do que boas ou será que só acontecem coisas más!?

 

De seguida vou escrever sobre algo que ouvi e algo que já tive oportunidade de comentar com alguns de vocês.

 

Hoje em dia são os média que mais nos educam. A interiorização da educação deveria começar em casa e depois na escola mas hoje em dia os media educam muito mais. Dizem-nos o que é bom e o que é mau, quem é bom e quem é mau. Um factor determinante na formação da nossa opinião é o entretenimento. Mais a frente já explico porque e a que nível.

Por exemplo, a escola deveria ensinar-nos como ver televisão, como ler jornais e ouvir rádio, isto é, deveria, pelo menos, proporcionar-lhes formação crítica e uma reflexão sobre a forma como os média nos manipulam. Só a acção e a experiência levam ao verdadeiro conhecimento. O receio de perguntar é um resultado da domesticação.

Os poderosos, muitos por sinal, é que possuem os meios para formar ou deformar opiniões. Alguns deles são mesmo donos de editoras que publicam os livros que se usam na escola, dos jornais que se vendem nas bancas, das televisões. Enfim! Tirem as vossas conclusões.

Nós estamos a ser submissos quando deixamos de questionar tudo o que se passa e aceitamos como validos os valores que nos impõem.

Manter a ignorância significa manter as pessoas submissas. Um cidadão culto, pelo contrário, faz por conhecer o meio que o rodeia e tenta não ser vítima dele. Já pensaram nos Estados Unidos? Pensam que são os donos do mundo mas, apesar de “consumirem” muita informação, são o povo mais submisso e o mais ignorante.

Pessoas submissas dão aos filhos nomes de reis, princesas e gente famosa. Porque? Pensam que através do nome, pelo menos, os seus filhos podem alcançar, por exemplo, aquilo que as revistas do coração promovem: a vida fabulosa dos reis, príncipes, dos artistas, famosos e pseudo famosos. Mas mesmo estes são seres humanos com problemas.

O objectivo dessas mesmas revistas é relatar a vida dos outros para que não se pense na própria, pois no dia em que me puser a pensar na minha situação posso tornar-me um problema para quem manda. Se verificar que, afinal, a minha vida não tem nada de principesca, tentaria muda-la, não? Manter as pessoas simples, pobres, preocupadas com as histórias dos famosos, garante cidadãos anestesiados, passivos. É essa a função do entretenimento.

Outro exemplo da submissão. Não somos todos europeus? Mentira pois somos todos europeus mas uns ricos, outros pobres, outros sem trabalho e por ai adiante. Os media mostram-nos até a exaustão as imagens de crianças pobres de outros continentes para que, na nossa mente, fique a ideia de que não estamos mal. Afinal, os nossos filhos vão a escola, comem, não é? A mensagem que fica é: “Não te mexas, não reclames, sê obediente e humilde. Vê lá se queres que te aconteça o mesmo”.

Mas atenção porque a inteligência é aliada da idiotice, ou seja, os intelectuais, que por o serem, poderiam criticar este sistema de coisas, não o questionam e vivem bem pois vendem-se a esse mesmo sistema. E assim podem continuar a jogar este jogo sem questionarem as regras mas limitando-se a cumpri-las.

 

Então e tu, achas-te submisso neste sistema de coisas!?

 

Fil

sinto-me: diferente
publicado por netoscity às 22:28
link do post | Comenta... | Adiciona aos teus favoritos
|

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30


.arquivos

. Abril 2011

. Julho 2010

. Maio 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.posts recentes

. Via Sacra

. Festa à Divina Misericórd...

. Cartaz da Festa em honra ...

. Festas em Honra de Santa ...

. Tradição - Partida de 1 d...

. A Lagoa das Queridas

. Festas de S.Tomé

. Inauguração da Capela dos...

. It's time to say goodbye ...

. Preocupações ambientais

. O Santo da Internet

. 4 de Novembro de 2008

. O site da Carne

. O dia depois do Magalhães

. A proposito da crise fina...

. Mais uma...

. Erotismo para alertar men...

. Figueira da Foz na Catalu...

. S.Tomé 2008

. Nova Ponte dos Arcos

. Aumento repentino do pode...

. Falta um ano para irmos a...

. Bloqueio chegou ao fim...

. O Euro 2008

. Expo Artesanato

. O sinal de localidade!?

. Utentes

. Pôr do Sol na Figueira da...

. O Maestro arrumou as bota...

. Já lá vão três

.links

.Movimentos

 

 

Movimento QTBGPO

 

Personal Blogs - Blog Catalog Blog Directory Estou no Blog.com.pt BlogBlogs Add to Technorati Favorites

.subscrever feeds